Você não pode visualizar esta videoaula porque ainda não está logado.

18 comentários em “CO1027 – Estratégias – do básico ao avançado!

  1. Outra dúvida Tinha aprendido (em outros cursos com você) que o cálculo do GET com Mets é assim:
    TMB (-7,3%) x FA ( Sedentário 1,2 / Se movimenta mais – 1,4) +METs
    Sendo que o cálculo do MET é como esse exemplo:
    METx P. corporal /60min
    Ex: 10 x 55/60 = 9,2 kcal/min.
    9,2 kcal/min x 45min (tempo que realiza AF) = 414kcal na AF
    -Realiza 3x na semana
    414 x 3 = 1.242kcal /7 (dias na semana) = 177kcal/diário

    E agora vejo que é essa equação pelo material complementar:
    GASTO CALÓRICO = MET x PESO x DURAÇÃO
    NET = TMB + Gasto Calórico no exercício

    Essa primeira ainda pode ser usada?

    E caso o paciente realize duas atividades com METS diferentes por exemplo hipertrofia 3x e ciclismo 6x soma-se os dois METs?
    Obrigada

    • Olá Jessica,
      A primeira equação citada pode ser utilizada.
      Mas, se optar pela equação GASTO CALÓRICO = MET x PESO x DURAÇÃO, sim soma-se os 2 METs, porém se o valor der muito alto, acha-se um equivale metabólico para as 2 atividades.

      Att,
      Gabriela

  2. Em outros cursos, você falou sobre uma redução de 7,3% no resultado do cálculo de Henry e Rees, isso ainda permanece?
    Obrigada.

  3. Olá profa,
    Não entendi essa estimativa de gastos com o exercício. Poderia dar mais exemplos?
    Obrigada.

    • Olá Jéssica,
      Segue explicação:

      Estimativa de restrição energética: 500 a 750 Kcal/dia ou 30% do Gasto Energético Total (GET).
      Gasto energético dia: mínimo de 10% do GET

      Exemplo:
      GET = 2500 Kcal/dia
      10% de 2500 = 250cal/dia.
      Gasto energético por dia deveria ser de pelo menos 250 calorias.

      Outro exemplo:

      GET= 1700 Kcal/dia

      mínimo de 10% e máximo de 30% do GET/dia.

      10% de 1700 = 170cal/dia.
      Gasto energético por dia deveria ser de pelo menos 170 calorias.

      Att,
      Gabriela

  4. Olá,

    A fórmula de Henry e rees não tem divisão para homem e mulher?

    • Olá Mª Eduarda, as equações de Henry e Rees são dividas por idade e sexo. Segue abaixo as equações:
      De 3 a 10 anos
      Masculino -> TMB = 0,11 x Peso + 1, 689
      Feminino -> TMB = 0,063 x Peso + 2, 466

      De 10 a 18 anos
      Masculino -> TMB = 0,084 x Peso + 2, 122
      Feminino -> TMB = 0,047 X Peso + 2, 951

      De 18 a 30 anos
      Masculino -> TMB = 0,056 X Peso + 2,800
      Feminino -> TMB = 0,048 X Peso + 2,562

      De 30 a 60 anos
      Masculino -> TMB = 0,046 X Peso + 3,160
      Feminino -> TMB = 0,048 X Peso + 2,448

      Referência: HENRY, C.J.K; REES, D.G. New predictive equations for the estimation of basal metabolic rate in tropical peoples. European Journal of Clinical Nutrition. v. 45, p. 177-185, 1991.

      Att,
      Michely

      • Oi Gabriela,
        Utilizando essa fórmula para o cálculo com um paciente não dá certo.

        43 anos, homem, Peso: 99kg

        De 30 a 60 anos
        Masculino -> TMB = 0,046 X 99 + 3,160
        O resultado: 7,714?

        Obrigada

        • Oi Jessica,

          Segue cálculo:

          Você utilizou a equação:
          – Henry e Rees (1989):
          Homens 30-60 anos

          TMB = (0,046 x P+3,16) x 239
          TMB = (0,046 X 99 + 3,16) X 239
          TMB = (4,554+3,16) X 239
          TMB = 7,714 X 239
          TMB = 1844 Kcal/dia

          Att,
          Gabriela

          • Oi Gabriela,
            Na informação anterior que você passou não tinha esse cálculo “x 239” ´só o que está em parenteses. Você poderia revisar a informação passada anteriormente?
            Obrigada!

          • Oi Jéssica,

            Nas informações anteriores ao invés de vírgula coloca-se ponto. Veja:

            De 3 a 10 anos
            Masculino -> TMB = 0,11 x Peso + 1, 689 -> ao invés de 1, 689 é 1.689
            Feminino -> TMB = 0,063 x Peso + 2, 466 -> ao invés de 2,466 é 2.466

            De 10 a 18 anos
            Masculino -> TMB = 0,084 x Peso + 2, 122 -> ao invés de 2,122 é 2.122
            Feminino -> TMB = 0,047 X Peso + 2, 951 – > ao invés de 2,951 é 2.951

            De 18 a 30 anos
            Masculino -> TMB = 0,056 X Peso + 2,800 – > ao invés de 2,800 é 2.800
            Feminino -> TMB = 0,048 X Peso + 2,562 -> ao invés de 2,562 é 2.562

            De 30 a 60 anos
            Masculino -> TMB = 0,046 X Peso + 3,160 -> ao invés de 3,160 é 3.160
            Feminino -> TMB = 0,048 X Peso + 2,448 – > ao invés de 2,488 é 2.488

            Referência: HENRY, C.J.K; REES, D.G. New predictive equations for the estimation of basal metabolic rate in tropical peoples. European Journal of Clinical Nutrition. v. 45, p. 177-185, 1991.

            Att,
            Gabriela

          • Oi Jéssica,

            Você está se referindo as informações passadas pela Michely em resposta a aluna Maria Eduarda? As fórmulas de Henry e Rees? Vou checar com ela.

            Segue as fórmulas revisadas:

            Henry e Rees (1989):

            Homens
            3-10 (0,113xP+1,689)x239
            10-18 (0,084xP+2,122)x239
            18-30 (0,056xP+2,8)x239
            30-60 (0,046xP+3,16)x239

            Mulheres
            3-10 (0,113xP+1,689)x239
            10-18 (0,047xP+2,951)x239
            18-30 (0,048*P+2,562)x239
            30-60 (0,048*P+2,448)x239

            Onde: M = mulheres; H = homens; P = peso; E = estatura e I = idade.

            Att,
            Gabriela

  5. Suas aulas sãos fantásticas. Matérias complexas transformam -se em matéria totalmente compriensivel! Parabéns, que D’Eus continue te abençoando abundantemente!👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽👏🏽

  6. Amando todo conteúdo …parabéns!!!

Deixe uma resposta