Você não pode visualizar esta videoaula porque ainda não está logado.

0 comentários em “CO1018 – Suco de laranja e leite

  1. SOBRE O LEITE MENCIONADO NA AULA.
    SE FOR NO KEFIR TEM A MESMA RESPOSTA INSULINICA?

    • Olá Nathalia,
      Alguns estudos mostram que o Kefir pode ser benéfico.
      Referente aos efeitos hipoglicêmicos do Kefir, de acordo com o estudo de Ostadrahimi (2015), feito em humanos, uma das possíveis causas deste efeito é a de que as bactérias presentes no Kefir agiriam como probióticos na microbiota intestinal, estimulando a produção de peptídeos insulinotrópicos e GLP-1, facilitando assim a ingestão de glicose pelo músculo. Hadisaputro (2012), relacionou a ingestão de Kefir (dosagem de 3,6 ml/200g de peso) com a diminuição de citocinas pró-inflamatórias, sendo estas relacionadas com a diminuição de sinalização insulínica e com a redução de transportadores GLUT1 e GLUT4 nas células, diminuindo a captação de glicose.

      De modo geral, o Kefir apresentou ser um alimento que pode ser útil no tratamento do DM2, porém é necessário que mais estudos em humanos sejam feitos, para viabilizar a utilização deste alimento na prática clínica.
      Alguns estudos demonstram que o Kefir pode ser utilizado como estratégia na diminuição dos níveis de glicose no sangue, o que pode ser benéfico para pacientes portadores de diabetes.

      Em humanos, a dosagem de Kefir necessária para obter mudanças benéficas nos níveis séricos de glicose segundo Ostadrahimi (2015) seria de 600ml/dia, enquanto Judiono (2014) demonstra que a ingestão de 200ml de Kefir por dia pode também trazer estes benefícios.

      Estudos:
      OSTADRAHIMI, A. et al. Effect of Probiotic Fermented Milk (Kefir) on Glycemic Control and Lipid Profile In Type 2 Diabetic Patients: A Randomized Double-Blind Placebo-Controlled Clinical Trial. Iranian Journal of Public Health, Irã, v. 44, n. 2, p. 228–237, 2015.

      JUDIONO, Y. et al. Effects of clear Kefir on biomolecular aspects of glycemic status of type 2 diabetes mellitus (T2DM) patients in Bandung, West Java [study on human blood glucose, c peptide and insulin]. Functional foods in health and disease, Texas, v. 4, n. 8, p. 340-348, 2014.

      Att,
      Gabriela

  2. Posso fazer a substituição do iogurte por coalhada?

    • Olá Dalilian,

      Sim, pode-se fazer a substituição por coalhada, requeijão de ricota, produtos lácteos.

      Segue abaixo uma sugestão de receita:

      Requeijão de ricota e cenoura
      INGREDIENTES
      250g de ricota sem sal
      1 colher de chá de sal
      1 colher de sobremesa de gelatina incolor sem sabor
      2 cenouras cozidas
      1 xícara de chá de água mineral morna
      MODO DE PREPARO
      Cortar em pedaços pequenos a ricota. Bater no liquidificador a ricota cortada em pedaços, ½ xícara de água morna, o sal e a cenoura e bata até obter uma massa homogênea. Dissolva a gelatina incolor em ½ xícara de água morna e adicione à preparação. Bata novamente. Coloque a preparação em potinhos com tampa e guarde na geladeira até a utilização. Pode ser mantido sob refrigeração durante 1 semana (ver data de validade da ricota).

      Att,
      Gabriela

  3. Boa noite, pode dar uma sugestão de como associar o whey com uma gordura e fibra?

    • Olá Bruna,

      Segue sugestões:
      Vitamina de abacate, linhaça e whey OU castanha do Brasil + banana + whey OU óleo de coco + banana + aveia + whey OU pasta de amendoim + whey + aveia OU Shake de morango + pasta de amendoim + psyllium + Whey.

      Teste com você primeiro e depois oferte aos seus pacientes.

      Att,
      Gabriela

  4. Quais marcas de leites fermentados você indica? gostaria de algumas mais fáceis de encontrar, pois trabalho em cidade pequena do interior. Obrigada!

    • Olá Hellen,
      A sugestão é que o leite fermentado seja sem adição de açúcares, o que é difícil de ser encontrado no mercado brasileiro. Na falta deste pode-se utilizar a suplementação de probióticos. Os probióticos podem ser adicionados ao iogurte natural e uma fruta (vitamina), por exemplo.

      Att,
      Gabriela

Deixe uma resposta